Memorial Vale da Saudade

Luto e integração na vida

Ouvimos falar com muita frequência sobre superar o luto, mas será que isso é possível? sendo o luto o preço que pagamos por um forte vínculo, é possível passar por cima e seguir a vida dentro da perspectiva de superação? O luto é um processo natural que todos passamos em algum momento e que implica em adaptações forçadas que precisaremos realizar. Não é tarefa fácil. E é nesse sentido que ele é integrado a vida, ou seja, passa a fazer parte de quem você é, de quem você se torna à partir dessa falta.

Como um processo de aprendizagem, no luto, você irá cotidianamente aprender formas de viver sem essa pessoa; e por mais que pareça impossível, a vida mostra que, diante de toda essa dor, ainda pode haver esperança… Essa integração será individual, de acordo com cada história e formas de enfrentamento. Aperte o play e vem acompanhar o episódio de hoje e compreender um pouco mais sobre viver um luto.

Um projeto do Memorial Vale da Saudade, apresentado por Isadora Mattos

Introdução

Ouvimos com muita frequência falar sobre superação do luto. Ah! Você precisa superar ou até mesmo você já deve ter dito o quanto você precisa superar esse processo. Mas será mesmo que isso é possível? Sendo o luto, o preço que pagamos por um forte vínculo, o preço que pagamos pelo amor, como diria Colin Parkes, é possível passar por cima e seguir a vida dentro dessa perspectiva de superação?

A pespectiva de integração

O luto é um processo natural que todos passamos em algum momento de nossas vidas. E que consequentemente ele implica inúmeras mudanças e adaptações forçadas que vamos precisar realizar. Não é tarefa fácil! Implica desde uma mudança de rotina que você tinha com essa pessoa até mesmo mudanças na sua própria identidade. Imagine o quanto complexo é você passar por essa configuração ou reconfiguração de quem você é. Em contrapartida a superação do luto nós falamos atualmente, dentro dos estudos sobre luto e das perspectivas mais atuais de trabalho com enlutados, do luto enquanto integração na vida.

Na perspectiva de significado da palavra integração no dicionário, o que significa ela?
– Ato de tornar inteiro na íntegra, completar, inteirar. É usado mais em um sentido metafórico de juntar partes para formar um todo coeso, Isto é integrado.

Então nessa perspectiva de integração do luto na vida, você não vai excluir o seu processo de luto, você vai aproximar ele de quem você é ou de quem você está se tornando a partir dessa perda. Sabemos que o luto, enquanto um processo de aprendizagem, vai exigir rotineiramente de você que você se adapte a essa nova rotina sem essa pessoa. Você encontre novas formas de se organizar com essa falta. Portanto a falta não é algo que dá pra excluir de sua vida.

A princípio pode parecer impossível se adaptar a essa nova realidade. Afinal foi algo que você não pediu, que não foi você quem decidiu realizar toda essa mudança na sua vida. Mas com o tempo e com cuidado você vai percebendo que é possível. Ainda que com toda a dor e com toda a saudade. E é por isso que nós falamos de integrar. Não tem como deixar a saudade fora da sua vida a partir dessa perda. Então você precisará ser essa nova pessoa que o luto te te faz se tornar mas também com todas essas partes que o luto traz.

Formas de integrar o luto

Certo, mas e como realizar então essa integração do luto na minha vida?

O luto também nos fala de um vínculo que é muito individual de cada história. Então então consequentemente a forma de integrar esse luto ou esses lutos que você tem em sua vida será também subjetivo individual. Mas existem algumas formas, algumas orientações que podem te auxiliar nesse processo:

  • Uma delas é você não evitar as suas emoções. Então esteja disposta disposto a reconhecer o que você sente a medida que essas emoções surgirem e se valide nesse processo. Entenda o contexto que você está passando, o quanto isso é difícil e que está tudo bem você sentir o que você sente.
  • Outra forma também, é trabalhar as memórias. Não apenas esse ponto inicial do luto fixo que faz com que nós tenhamos muito mais lembranças dos momentos difíceis antes da perda, mas também puxar aquelas memórias boas, alegres, as mais bobas e engraçadas que vocês tiveram ao longo da vida. Isso pode te auxiliar a reeducar o seu cérebro a partir dessa perspectiva não só difícil do luto, mas também de que essa pessoa ela faz parte de você além da perda.
  • Procurar ritualizar também é um um outra forma de lidar com esses momentos no seu luto. Por exemplo, o que fazer em datas comemorativas, em datas que são gatilhos pra você? como pode reinventar esses dias para além da dor? Essas são algumas formas de trazer o seu luto como integração, como parte da sua vida e não como um afastamento.

Lembre-se que você está agora nesse processo de aprendizagem de como viver a vida com a falta. E consequentemente você vai estar ensinando o seu cérebro a partir das suas novas experiências, a partir dessa rotina que você vai estabelecer, dessas tentativas que passarão a fazer parte da sua vida a como lidar com a falta.

Plano funerário Memorial Vale da Saudade
Luto e integração na vida 1

O processo

Entendo que seja um processo extremamente desafiador, cansativo, né? Por isso mesmo que o luto ele cansa, né? Ele exige muito esforço seu psicológico, né? Cognitivo, físico pra essa adaptação. Então não se exija, vá aos poucos, tente aos poucos. Isso já é muito difícil. E à medida que você for cuidando, se permitindo, tendo essa paciência com você, eu tenho certeza que a vida vai se ajustando. Mesmo que seja em torno do vazio.

Como ter ajuda?

Sabemos que passar pelo luto é muito desafiador, O Memorial Vale da Saudade pensando em como ajudar na coletividade conta com programas de apoio ao enlutado mensalmente, portanto, se você ou um ente querido está vivenciando essa dor pela perda de alguém que você muito ama saiba mais sobre nossos programas clicando aqui.

Objetivando o acesso a todos que não podem escutar nosso podcast, extraímos o texto para melhor aproveitamento daqueles que preferem a leitura. Caso se interesse por escutar o podcast Vale Lutar, você encontrará nas plataformas Spotfy, Google Podcasts, Deezer e Amazon Music

Conheça o Memorial Vale da Saudade e tenha toda a tranquilidade que você precisa!

Siga nossas redes sociais.

Você está praticando ou conhece outras formas de integração do processo do luto?

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments